COMPARTILHE


Contato/Nome:: Alexandre

E-mail de contato:: alexandre.meza@biotera.com.br


A Agenda de Desenvolvimento Sustentável Pós-2015, agora chamada Agenda 2030, corresponde a conjunto de programas, ações e diretrizes que orientarão os trabalhos das Nações Unidas e de seus países membros rumo ao desenvolvimento sustentável.

Concluídas em agosto de 2015, as negociações da Agenda 2030 culminaram em documento ambicioso que propõe 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e 169 metas correspondentes, fruto do consenso obtido pelos delegados dos Estados-membros da ONU. Os ODS são o cerne da Agenda 2030 e sua implementação ocorrerá no período 2016-2030.

A agenda 2030 requer o envolvimento de ações de toda a sociedade para que possamos contribuir para um desenvolvimento mais sustentável. As redes locais do Pacto Global da ONU se dedicam a traduzir os ODS para as empresas, possibilitando que elas usem essas metas para promover melhores práticas corporativas e oportunidades de crescimento sustentável.

Há diversos mecanismos para que empresas possam entender, analisar e aplicar os ODS na política empresarial:

O guia Um Pacto Global para o desenvolvimento sustentável, há orientações de como as empresas podem ajudar a avançar no cumprimento da Agenda 2030, operando alinhadas com os ODS.

A publicação "Matrizes setoriais para os ODS" expõe casos específicos por setor, com exemplos e ideias para ações corporativas relacionadas aos ODS. Uma série de edições com cada matriz apresentará as principais ações e decisões tomadas por diversas empresas para os ODS. A primeira é sobre o setor de serviços financeiros; A próxima será sobre transportes, cuja primeira versão, ainda em formatação, se encontra disponível. Já o guia Call to action: derrubando barreiras legais para o empoderamento econômico das mulheres chama a atenção para a importância da igualdade de gênero nas organizações.

O Poverty Footprint é uma ferramenta de avaliação que possibilita empresas e sociedade civil fazerem parcerias para a compreensão dos impactos corporativos multidimensionais da pobreza. Como uma ferramenta que ajuda a implementar os ODS, o guia promove o engajamento entre as partes interessadas e a parceria entre empresas e sociedade civil como forma de estabelecer estratégias de negócios para a redução da pobreza.

No caso da publicação Contribuições das Associações Empresariais e Iniciativas Setoriais para o Desenvolvimento Sustentável, ela apresenta exemplos de como as associações empresariais podem e estão contribuindo para o desenvolvimento sustentável. Esta coleção de cases demonstra como os negócios podem ajudar seus membros a avançar no desenvolvimento sustentável por meio de informação e disseminação de conhecimento; capacitação e educação, especificações e padrões técnicos; fomento a políticas públicas e promovendo parcerias.

Já o guia Implementando modelos de negócios inclusivos dá detalhes sobre modelos de negócios inclusivos e como empresas podem endereçar limitações internas e externas à sua implementação. Este manual também induz as empresas a alcançarem perspectivas únicas e contribuições para pessoas de baixa renda, funcionários e partes interessadas na sua cadeia de valor e comunidade.

Finalmente, a publicação Empresas: Uma força poderosa para promover o entendimento entre Religiões e Paz oferece uma importante contribuição nas duas áreas, trazendo benefícios para as empresas e as sociedades nas quais operam.

Ainda pensando na questão de entendimento das questões de sustentabilidade, há duas iniciativas digitais que visam explicar de forma amigável e otimista os sentidos de “sustentabilidade” e “desenvolvimento sustentável, atrelados aos ODS.

A primeira é http://mundoise.isebvmf.com.br/, uma forma bem-humorada de abordar o valor “sustentabilidade” conforme contextos de situações da vida real. Foi lançada há poucos meses como interface lúdica do Índice de Sustentabilidade (ISE). Apresenta o conjunto de temas desse indicador para estimular a disseminação das práticas contempladas em seu questionário, assim como uma visão integrada sobre a agenda da sustentabilidade empresarial. Permite acessar informações sobre os temas tratados e seus inter-relacionamentos, e também conduz os mais interessados às perguntas do questionário.

A segunda – sustentáculos.pro.br –, em pleno lançamento, é mais dirigida a educadores em geral (inclusive pais de adolescentes) com o objetivo de facilitar o acesso aos melhores conteúdos, tanto sobre os aspectos mais conceituais da sustentabilidade do desenvolvimento (organizados em oito temas) quanto sobre cada um dos 17 ODS. 

http://biotera.net.br/noticias/post/agenda-2030-vamos-entender-para-aplicar

Avenida Artur de Queiros, 680, São Paulo, SP Brasil

  Enviar mensagem


QR code

Agenda 2030: Sustentabilidade para todos Mapa

Visualização do mapa.

ANÚNCIOS RELACIONADOS

Conformidade Legal Ambiental

Evidenciar a situação de conformidade legal ambiental - e outros requisitos do seu negócio - é uma necessidade emergente para todas as organizações. A adequação de seu processos e colaboradores será identificada após uma análise inicial, desenvolvido a… BRASIL

Biologia da Construção na Agricultura

A Biologia da Construção estende suas atividades na agricultura, o intuito é ajustar o Ph do solo e espaço local com a biologia natural, as plantas consegue crescer 40% à mais e com mais nutrientes que outras plantas em outros locais com outras técnicas… BRASIL

ESTATÍSTICA

115810 visualizações

631 Anúncios

788 usuários

SIGA NOSSAS REDES

RSS AMBIENTAL MERCANTIL

NEWSLETTER

Será enviado um email de ativação (atenção: pode ser que ele entre na sua caixa de spam).

CREATING VALUES TOGETHER, WE CAN CHANGE THE WORLD. JOIN US!